GEMInIS

COMPLEXIDADE NAS OBRAS TELEVISUAIS E CINEMATOGRÁFICAS DE DAVID LYNCH | de Lemos Capanema | Revista GEMInIS

Confira o artigo “COMPLEXIDADE NAS OBRAS TELEVISUAIS E CINEMATOGRÁFICAS DE DAVID LYNCH” da autora Letícia Xavier de Lemos Capanema. O texto foi publicado na última edição da Revista GEMInIS com o tema “Televisão: Formas Audiovisuais de Ficção e Documentário”.

RESUMO
Este estudo propõe investigar aspectos autorreferenciais presentes na produção cinematográfica e televisual de David Lynch, realizador frequentemente associado à noção de complexidade narrativa. Para tanto, foram destacados para análise a série Twin Peaks (ABC, 1990-91) e o filme Twin Peaks, Fire Walk With Me (1992). Embora sejam de naturezas distintas (televisual e cinematográfica), tais obras compreendem um único universo diegético, estabelecendo entre si uma relação de complementação e expansão narrativa. A partir de uma análise narratológica dessas obras, busca-se contribuir para a investigação da complexidade narrativa audiovisual, especialmente em seus aspectos autorreferênciais e em seus desdobramentos na poética narrativa lynchiana

COMPLEXIDADE NAS OBRAS TELEVISUAIS E CINEMATOGRÁFICAS DE DAVID LYNCH | de Lemos Capanema | Revista GEMInIS


Fonte

maio 19, 2017