GEMInIS

Rede de Debates GEMInIS – Vozes da MPB

 

1229947_10151633640404331_186650064_n

Acontece no dia 28 de agosto (quarta-feira), a partir das 19h30, na sala do  LIVID-DAC, o “Rede de Debates GEMInIS – Vozes da MPB: trajetória da música popular brasileira”. O evento conta com a participação do palestrante Pedro Varoni (Labor-UFSCar), doutor pelo Programa de Pós-Graduação em Linguística (PPGL), e o debatedor Prof. Ms. Eduardo Conegundes (Música – UFSCar), com mediação da Profª. Drª. Vanice Sargentini (PPGL-UFSCar), coordenadora do Labor – Laboratório de Estudos do Discurso.

Na ocasião, serão debatidas as várias visões que contornam a música popular brasileira, buscando compreender as facetas artísticas, culturais e políticas que configuram a MPB em sua trajetória.  Assim, Pedro Varoni irá descrever e interpretar a cartografia do discurso da música de Gilberto Gil, desde sua inscrição num acontecimento discursivo, o tropicalismo, no final dos anos 1960, até o início de sua gestão como Ministro da Cultura do Governo Lula, entre 2003 e 2008. Enquanto que o Prof. Ms. Eduardo Conegundes irá debater sobre a oralidade como elemento fundamental para a formação e permanência das manifestações culturais que estão na origem dos diversos gêneros musicais e da canção popular brasileira, partindo do período colonial até o atual contexto midiático.

O evento é organizado pelo Grupo de Estudos sobre Mídias Interativas (GEMInIS), em parceira com a Coordenação do Curso de Música da UFSCar e o Laboratório de Estudos do Discurso (Labor/UFSCar).

Evento no Facebook – https://www.facebook.com/events/528661607183528/

Sobre Pedro Varoni

Jornalista, formado pela Universidade Federal de Minas Gerais. Trabalhou durante 23 anos na EPTV, afiliada da Rede Globo , exercendo , na maior parte do tempo, na função de Gerente de Jornalismo, com passagem pelas redações de Varginha-MG, Ribeirão Preto e São Carlos. É Mestre em Linguística – Análise do Discurso- pela UFSCar, com uma dissertação analisando os primeiros dois anos de publicação da revista “PIauí”. É doutor na mesma área e instituição com a pesquisa sobre a trajetória poético-política de Gilberto Gil.

Sobre Eduardo Conegundes

Possui Bacharelado em Música pela Universidade Estadual de Campinas (2000) e Mestrado em Educação pela Universidade Estadual de Campinas (2007). Atualmente é Professor Assistente do Curso de Educação Musical da Universidade Federal de São Carlos, atuando principalmente nos seguintes temas: educação musical, educação não-formal, memória e música popular brasileira. É músico, arranjador e membro fundador da Associação de Samba Cupinzeiro, grupo com o qual vem desenvolvendo desde 2001 trabalhos de pesquisa, criação artística e de educação ligados à memória do samba e da canção popular brasileira.  
 

Sobre Vanice Sargentini

Bacharelado e Licenciatura em Letras (1985) na Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho. Mestre (1991) e Doutora (1998) em Linguística e Língua Portuguesa pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho. Pós-doutorado na Université Paris III – Sorbonne Nouvelle (2008). Atualmente é professora associada da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), instituição na qual atua desde 1996, tendo sido Coordenadora do Curso de Letras (1998-2001), Coordenadora do Programa de Pós-graduação em Lingüística (2005-2007), Vice-Coordenadora do curso de Bacharelado em Linguística (2009 -2010), atualmente Coordenadora do curso de Bacharelado em Linguística e coordenadora do Labor – Laboratório de Estudos do Discurso.