GEMInIS

Videogame Levado a Sério

cartaz

Nas últimas décadas, as mídias interativas têm se constituído num novo paradigma do entretenimento audiovisual, através da disseminação massiva dos videogames. Os investimentos da indústria neste campo foram impulsionados pelo desenvolvimento tecnológico que permitiram a criação de gráficos com qualidades fotorealística, além da expansão da memória e de processadores velozes. Esses avanços afetaram tanto as formas convencionais de entretenimento audiovisual quanto às categorias de entendimento da narrativa tradicional. Do ponto de vista narrativo, os videogames se constituem numa mídia extremamente poderosa e muitos compartilham elementos das narrativas tradicionais, mas se na era clássica dos videogames essa realidade serviu para impulsionar o entretenimento audiovisual, atualmente os projetos de design para videogames se desenvolvem na arquitetura dos espaços narrativos.

Dentro deste contexto, trazemos para São Carlos um evento que busca abordar o tema de forma contuntente, contando com a presença de um dos maiores pensadores do mundo na área de jogos, Gonzalo Frasca, pesquisador e game design, que atualmente trabalha como chefe de criação de jogos e co-fundador da Powerful Robot Game e colunista da Science and Technology, é um dos principais representantes da “ludologia” *. Em Simulation versus Narrative: Introduction to Ludology, Gonzalo Frasca (2003), considera os videogames como uma mídia relativamente recente, que englobam e transcendem as mídias predecessoras – Cinema e televisão, entre outras, e possuem estatuto próprio. Para o autor, apesar “da simulação e a narrativa compartilharem elementos em comum – personagens, ambientes e eventos, suas mecânicas são essencialmente diferentes.” Ou seja. O estatuto dessa mídia não se configura como extensão da narrativa, da literatura, teatro ou cinema e necessita de uma teoria de significação própria para dar conta do status da simulação. Para os ‘ludologistas’, a distinção entre storytelling e gameplay é o que diferencia videogames dos meios de comunicação tradicionais.

Videogames levados a Sério – é um evento que pretende fazer uma discussão sobre o estatuto dos videogames como meios comunicativos. Essa e outras questões serão debatidas a partir da abordagem da teoria contemporânea dos videojogos.

Dia 25 de agosto, às 19:30 hs, palestra de abertura: Videojogos e Comunicação
Dia 26 de agosto, Mini-curso durante todo o dia: Teorias Contemporâneas dos Videojogos.

Mais informações na seção EVENTOS

* O termo “ludologia” se popularizou nos anos 1990 a partir do surgimento de um novo campo de estudos dos videogames, focado na gameplay. Os principais representantes dessa abordagem são: Espen Aardseth, Gonzalo Frasca, Markku Eskelinen e Jesper Jull.

Postado por João Massarolo